Ator Felipe Folgosi lança HQ inspirada na Bíblia

Autor acredita que a igreja precisa resgatar a cultura e não só investir em música

1 de outubro de 2018   /   Categoria:   /   Escrito por: Comunicação

 

O ator Felipe Folgosi, conhecido pela sua participação em várias novelas da Rede Globo, esteve na 14ª edição da Expo Cristã, lançando dois livros “Comunhão” e “Aurora” no formato de história em quadrinhos.

“Pra mim os quadrinhos é um tipo de mídia que consegue atrair pessoas com dificuldade de leitura. É como um cinema sem som, porque é uma narrativa visual. Também é uma estratégia que Deus me deu pra falar com o público secular sobre uma moral e uma ética cristã”, inicia.

Folgosi é ator há quase 30 anos, fez faculdade de cinema e se especializou em roteiro de cinema nos EUA. “Meu foco é missionário e evangelístico. Eu uso muita simbologia, tanto nos nomes quanto na parte gráfica. A ideia é provocar uma reflexão naqueles que ainda não são cristãos”, explica.

 

Evangelização de geeks e nerds

O público que envolve geeks e nerds é composto por consumidores jovens e, normalmente, com poder aquisitivo. Muitos deles são aficionados em histórias em quadrinhos, animes, séries e tudo o que envolve a cultura popular. O perfil é disputado por grandes redes.

“Eu tenho trabalhando muito com esse público, geek, nerd, de cultura pop, participando de vários eventos. Tô presente porque acho que a igreja precisa resgatar a cultura, não só a música”, justifica.

Segundo o autor, a música já é muito forte no meio cristão porque em qualquer culto é necessário ter o louvor. “Mas as outras artes, foram abandonadas. E o que acontece? O espaço que você não ocupa acaba sendo ocupado. Veja a guerra cultural de hoje em dia”, lembrou.

 

Cultura como um “campo missionário”

“A cultura influencia na sociedade. Se um jovem assiste a um seriado que promove valores negativos, que estimula depressão, suicídio e ideologia de gênero. Então… a igreja tem que oferecer também uma alternativa”, opina.

Para Folgosi, a Bíblia continua sendo o centro de tudo. “Mas eu acho que chegou o momento de ter visão e estratégia. Encarar a cultura como um campo missionário. Usar o talento. Eu uso a arte como uma ferramenta de evangelismo”, afirmou.

Em seu mais recente trabalho de HQ “Comunhão”, o roteirista mistura suspense e mais alguns elementos que deram vida a uma trama. “É basicamente uma reflexão em cima do livro de Jó, sobre como lidar com o sofrimento, com o mau, sem deixar que a raiz de amargura te distancie de Deus”, conta.

A protagonista que é cristã se depara com um falso profeta, o que lhe causa muito sofrimento. “Como ela consegue superar isso? Tem muita ação na história, tem decapitação, tem maldade. Pra mostrar o mal não tem como florear, é pesado, mas na trajetória tem a redenção”, pondera.

 

Ciência e Religião

De roteiro de cinema a história em quadrinhos, assim foi a trajetória de “Aurora”, onde são abordados temas como “teoria da conspiração, sociedade secreta, maçonaria, nova ordem mundial e também essa questão da dicotomia entre religião e ciência”, explica o autor.

“Pra você gostar de ciência não tem que abandonar sua fé e ser materialista. Para ser um cristão você não precisa negar a racionalidade. Eu penso que a ciência dá testemunho de Deus, porque ela investiga o que é matéria e o que foi criado por Deus”, disse.

Para Folgosi, é um erro a polarização entre os dois temas. “Como Jesus mesmo falava: meu povo padece por falta de conhecimento. Eu creio que é um conhecimento espiritual, mas que engloba todas as coisas. A ciência cada vez mais testifica de Deus. É isso o que abordo no Aurora”, conclui.

Notícias relacionadas

 

Pastor inspira jovem a se converter durante partida de videogame

O pastor da igreja batista Palavra Viva, de Taubaté (SP), Daniel Saad, 30 anos, que gosta de jogar videogame nas horas vagas evangelizou um desconhecido de Nova Iorque durante uma partida. Ele conta que entrou num time com dois americanos e um haitiano. O jogo de “polícia e ladrão” como ele descreveu, já havia começado.… Leia mais

 

Somos igreja ou templo?

Igreja ou Templo, o que somos? O que as Escrituras nos fala é que somos templos do Senhor. A igreja não é o templo, mas sim o ajuntamento de pessoas, ou seja, a reunião dos templos vivos de Deus. Mesmo assim, essa falácia tem sido disseminada por aí. Quando Jesus instituiu a igreja, essa palavra… Leia mais