Grupos Familiares – Autoridade Espiritual

Este estudo tem como objetivo observar como Deus estabelece o seu reino baseado no princípio de obediência e autoridade

11 de junho de 2018   /   Categoria:   /   Escrito por: Comunicação

 

Estudo XVIII (11 a 16/Junho/18)
Tema: Deus estabelece seu reino.
Textos Bíblicos: Hb 5.8 e 9 /  II Ts 1.8 /  I Pe 1.22

Objetivo:

  • Observar como Deus estabelece o Seu reino baseado no princípio de obediência e autoridade.

Introdução:

    Assim como Deus garantiu o princípio da obediência por meio da vida de seu filho Jesus, Deus também estabeleceu Sua autoridade  por meio Dele. Quando o Senhor deixou a divindade para se tornar homem, tornou-se verdadeiramente homem. Cada sofrimento pelo qual passou fez amadurecer o fruto da obediência que é por onde se começa a estabelecer o reino de Deus. Este estudo tem o propósito de nos fazer entender que não há autoridade sem antes passar pela obediência.

 

1º –  Deus estabelecerá o Seu reino .

          A intenção de Deus era que os seres criados por Ele, aceitassem Sua autoridade, mas eles a rejeitaram. Deus poderia retirar Sua presença, mas jamais desistiria da autoridade que iniciou, pois onde estiver a Sua autoridade, ali será Seu lugar de direito. Deus não permitirá que a rebeldia continue para sempre. O Senhor Jesus, enquanto esteve na terra, nunca foi desobediente a Deus; nunca resistiu a autoridade. Ele obedeceu de forma perfeita e permitiu que a autoridade reinasse, estabeleceu o reino de Deus dentro de Sua obediência. Agora, exatamente como fez nosso Senhor, a igreja (nós) devemos obedecer a fim de que a autoridade de Deus possa prosperar e o reino se manifestar. O reino está dentro de nós (Lc 17.21). 

 

2 º  Deus ordena que a sua igreja seja a vanguarda do Seu reino.

         Deus tem o  propósito de que sejamos o Seu reino e a Sua igreja, uma vez que a igreja tem ordens de construir o terreno onde a autoridade de Deus é exercida. Vanguarda significa tomar a dianteira, ir à frente. Se nós nos recusarmos a aceitar a autoridade divina, como Deus terá meio de estabelecer Seu reino no mundo? Uma vez que a natureza do evangelho é a obediência e a obediência é a verdade que nos purifica. Deus tem os olhos sobre o reino. Até a oração do “Pai Nosso”, por exemplo, começa e termina com menção do reino (Mt 6.10 e 13). Através de nossa obediência é que o reino será estendido. Precisamos nos despojar da velha maneira de viver, achando que Deus, por Sua graça e pelo sangue remidor de Cristo,  vai ficar tolerando atos de desobediência,  mesmo no oculto do coração.

 

Conclusão: 

        Não pode haver igreja sem o Senhor Jesus, e não pode haver uma extensão maior do reino de Deus sem a igreja. Através da nossa obediência o reino será expandido por toda terra. Hoje, entretanto, muitos tem consciência do pecado, mas não da rebeldia. O Senhor se levantará e tratará daqueles que desobedecem. Não ser sensível ao pecado prejudica a vida cristã; falta de sensibilidade diante da autoridade desqualifica a pessoa. Deus não nos chama só para receber, por meio da fé, Sua vida, mas também para manter por meio da obediência, Sua autoridade. Ele nos aconselha a obedecer às autoridades que Ele estabeleceu: No lar, na escola, na sociedade, no trabalho, na igreja, como também a obedecer a Sua autoridade direta.

 

Interação:

  • “Obedecer a autoridade no lar”. Quando os pais ainda não tem Jesus, existe alguma restrição em obedecê-los?
  • Cite um exemplo de como podemos estabelecer o reino de Deus no ambiente social: Trabalho, escola.
  •  

Bibliografia:

  • Nee, WATCHMAN-  Autoridade Espiritual. Tradução Yolanda M. KRIEVIM.
  • 4 Ed./ São Paulo : Ed Vida 2009.
  • A Bíblia Sagrada Revista e Atualizada
  • 2 Ed./São Paulo. Sociedade Bíblica do Brasil

Arquivo PDF para download: Estudo GF XIII (11 a 16 de Junho)

 

Notícias relacionadas

 

Grupos Familiares – Aqueles a que Deus delega autoridade

Estudo XXXVI  (15/10 a  20/10) Tema: Aqueles a quem Deus delega autoridade Texto Bíblico: Romanos 13. 1 e 2. Objetivos: Identificar que existem três requisitos básicos para uma autoridade delegada. Mostrar que para ser autoridade delegada por Deus, tem que primeiro sujeitar-se a autoridade DEle.   Introdução: Os filhos de Deus não devem apenas aprender apenas a reconhecer… Leia mais

 

Grupos Familiares – Princípios do Reino para a cidadania

Estudo XXXV (08/10 a 13/10/18) Tema: Princípios do Reino para a cidadania Texto Bíblico: Mateus 22.15-22 Objetivos: Apresentar princípios ensinados por Jesus no texto. Analisar as responsabilidades do cristão enquanto cidadão da terra.   Introdução: O texto aborda questões políticas (imposto devido a César, imperador romano) X questões religiosas (Reino de Deus). A pergunta que se faz… Leia mais